Fabio Luma fala sobre autoconhecimento em novo single, “Raiz”

O cantor e compositor Fabio Luma, uma das vozes mais promissoras da música curitibana e do rock nacional, anuncia o lançamento de seu novo single “Raiz”, já disponível nas plataformas digitais pelo selo Marã Música. Este lançamento promete ser um marco na trajetória musical de Luma.

Em “Raiz”, Luma explora temas de autoconhecimento e a busca pelo essencial em cada um de nós. A música reflete o movimento pessoal de Luma ao publicar suas composições, que são um mergulho em vivências emocionais e temas afetivos significativos para ele.

O single se inicia com um arranjo acústico envolvente, marcado pelo timbre do cello, e evolui para um refrão energético com guitarras distorcidas, antes de retornar a uma sonoridade mais leve. Esta dinâmica musical foi orquestrada em parceria com o produtor Gustavo Arthury.

A jornada de composição de “Raiz” é uma história de duas décadas, começando com os primeiros versos e acordes compostos há quase 20 anos por Fabio. “Sentia que ainda precisava viver algumas experiências para a mensagem da canção se revelar para mim”, explica o artista. Só mais recentemente, durante a pandemia, consegui concluí-la. Um dos versos do refrão traz referência a um dos meus livros preferidos, ‘O Conto da Ilha Desconhecida’, de José Saramago. Uma passagem diz: ‘Se não sais de ti, não chegas a saber quem és‘. Essa reflexão me inspirou tanto que se tornou parte da letra”, completa.

Através de “Raiz”, Luma deseja provocar reflexão e inspiração nos ouvintes. A letra descreve um processo de desencanto típico do início da vida adulta, mas conclama a um reencontro com a própria essência, fragmentada, porém sempre presente.

Com o lançamento de “Raiz”, Fabio Luma está atento à recepção do público e à possibilidade de os ouvintes se identificarem com a música, atribuindo a ela seus próprios significados. “Percebo que ‘Raiz’, de alguma forma, costura todas as músicas (já lançadas e futuras) que farão parte do meu primeiro álbum autoral, porque ela fala, justamente, sobre o que me moveu a fazer tudo isso”, finaliza. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *