Com repertório autoral e grandes sucessos da música, Clara Levy apresenta o show “Infinitude”

Com repertório autoral e grandes sucessos da música, Clara Levy apresenta o show “Infinitude”

Entregando muito talento, voz e mesclando composições autorais com sucessos da música brasileira e internacional, a cantora e compositora carioca Clara Levy, transforma sua trajetória em um show intimista, intitulado “Infinitude” e apresenta uma variedade de estilos musicais e canções que sem dúvidas marcaram a vida de muitas pessoas. 

O show “Infinitude” é um processo dividido em três etapas da vida da artista: 1 – infância e adolescência; 2 – o início da carreira; 3 – o atual momento como artista. O projeto foi criado com o intuito de ser o primeiro show autoral de Clara e contar justamente sua trajetória até o lançamento do mais recente single, intitulado “Ô Seu Cupido s2”, ou seja, a transição forte para o pop. 

De maneira intimista, o show carrega a narrativa pessoal da artista com a música e traz canções que ecoam diferentes períodos de sua vida e muitas delas, que também estão marcadas na trajetória de outras pessoas. Composto por voz, violão e cajón, o formato permite uma conexão mais profunda e emocionante da artista e banda com o público. Mas, o show também pode ser realizado com banda maior ou DJ.

Sobre os atos do show, ela explica: “No ponto infância e adolescência, busco trazer algumas músicas que eu gostava muito de cantar naquela época. Eu conto um pouquinho de como eu comecei a cantar, como foi esse início da carreira e da minha trajetória. Por exemplo, eu canto músicas como “I’m Yours”, do Jason Mars, “If I Ain’t Got You”, da Alicia Keys. São faixas que eu cantava bastante no início da minha carreira, aos 14 anos, nos primeiros shows da minha vida em que fazia com a minha mãe, que sempre me colocava para cantar também”.

“Sempre apresento alguns hits da época e que dão um brilhozinho no show, sabe? Que fica bem legal de escutar, bem gostoso”, completa.

No decorrer do repertório, o outro bloco se inicia com músicas que remetem ao começo da carreira de Clara, que traz estilos como o rap acústico e hip-hop. “Nesse momento venho com faixas como ‘Dizeres’, da cantora Lourena, por exemplo”, ela conta. A bossa nova também chega nesta parte do show para conquistar ainda mais o público. 

“2018 foi o ano em que eu voltei do intercâmbio e essa mudança de bloco no show, do segundo para o terceiro, retrata muito aquele período da minha vida. Quando eu voltei para o Rio, foi o momento em que eu vivi uma transição muito forte de querer fazer arte. Em 2020 eu começo finalmente a compor minhas músicas autorais. Ou seja, esse processo de transição da fase adolescente – que só trazia covers -, para a carreira autoral, foi um grande passo e é representado na terceira parte do show”, explica a artista. 

Neste momento, Clara apresenta faixas pops e autorais como “Toque & Flow ;)”, “Ô Seu Cupido s2” e singles já lançados. 

Com muita leveza e transmitindo bons momentos para o público, Clara conta que quer continuar levando esse show para diferentes lugares da capital carioca e pelo Brasil. “Seria incrível ir em novas cidades e estados com o show e ver novas pessoas conhecendo meu trabalho. Ao longo desse ano quero focar nisso e continuar implementando cada vez mais o formato, com novas músicas e lançamentos autorais”, afirma. 

Show no Rio de Janeiro

Recentemente a artista se apresentou com a banda no Centro de Referência da Música Carioca, na Tijuca, Rio de Janeiro. Em uma noite de muita música e emoção, ela cativou o público presente no “Quartas Acústicas”, projeto da casa de shows que traz uma versão ainda mais intimista dos artistas: sem microfones.

“O Centro de Referência foi uma casa que sempre me abriu portas. Eu fiz meu primeiro show aos 14 anos lá, com a minha mãe. Foi o show dela, mas fiz uma participação”, conta a artista. 

Sobre o sentimento de estar no palco, ela declara: “Para mim é algo que fala muito sobre mim, sabe. Desde criança eu convivo com o palco, seja na música ou no teatro. É um lugar que posso me sentir livre, realmente doar tudo de mim, sem limites. Sem me sentir julgada por algo que estou fazendo. Sempre tive intimidade com o palco de verdade e acho que poder transpor no palco essa minha trajetória, essa minha linha do tempo desde que eu comecei a cantar, até agora, foi uma experiência muito linda”, finaliza.

O formato, repertório e setlist permitem que todas as pessoas possam curtir, cantar junto e se identificar com as canções. Além disso, traz aquela boa sensação de uma casa de show aconchegante, ou um quiosque à beira da praia com energia boa. Mas ao mesmo tempo, nada impede que seja um show em uma festa super animada e repleta de pessoas que gostam de ouvir uma boa música. 

Contato para shows

Para contatos para shows, basta entrar em contato diretamente com a produtora Doody Records, responsável pela produção dos shows. 

Telefone: Luis Felipe (Produtor – Doody Records)- (21) 9 9570-1725

E-mail: clarinhawlevy@gmail.com 

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *