Coletivo de Teatro de Nova Iguaçu apresenta o espetáculo “Candelária”

Coletivo de Teatro de Nova Iguaçu apresenta o espetáculo “Candelária”

A Trupe Investigativa Arroto Cênico de Nova Iguaçu apresenta a peça “Candelária” pelo Edital de Cultura SESC RJ PULSAR 2023/24, junto com produções de vários estados brasileiros. Com direção de Madson Vilela e dramaturgia de Karla Muniz Ribeiro é um espetáculo adulto que perpassa pela temática do racismo estrutural no Brasil e é resultado de uma pesquisa cênica sobre a Chacina da Candelária. 

O Grupo que nos últimos anos vem se firmando como uma das companhias de maior atividade da região, fará uma circulação durante o período de março a julho por 08 unidades do SESC RJ, percorrendo municípios localizados no interior do estado do Rio de Janeiro, como Campos, Teresópolis, Nova Friburgo, Valença e Barra Mansa. O circuito começou no último dia 15 de março (sexta-feira), no SESC Campos, em Campos dos Goytacazes – RJ. 

É uma peça manifesto que propõe cenicamente uma discussão a respeito da política de embranquecimento social que perdura até hoje no país, e rememora também outros genocídios da população negra. O roteiro transita por três recortes dramatúrgicos referentes a momentos históricos do Brasil. O que esses três momentos têm em comum? Esse é o mote dramático do projeto. 

No elenco Jonathan Floriano, Karla Muniz Ribeiro, Madson Vilela, Marlon Souza e Simone Cerqueira, artistas negros e periféricos, fundamentam os questionamentos propostos em cena. A montagem segue os moldes do Teatro Contemporâneo com uma encenação fragmentada, que utiliza recursos cênicos através de novas narrativas que potencializam a projeto e o movimento teatral negro. 

“O projeto de extermínio da população negra brasileira ganha cada vez mais força e nós precisamos pará-lo. E o teatro é a nossa arma de denúncia. Através dele é possível refletir sobre questões que de outra forma, teríamos imensa dificuldade de explanar e exemplificar ou até mesmo de atingir com a mesma precisão e impacto do significado pretendido”, afirma Karla Muniz Ribeiro, dramaturga e atriz do espetáculo. 

A montagem foi contemplada no Edital de Apoio ao Teatro Evoé! RJ da Lei Paulo Gustavo da SECEC, Edital Retomada Carioca RJ 02 da SECEC e Edital FOCA–Fomento à Cultura Carioca 2021. É uma produção da Trupe Investigativa Arroto Cênico com artistas da baixada fluminense. Realizou recentemente temporada na Casa de Cultura Laura Alvim em Ipanema/RJ. 

O trabalho também foi selecionado para o 7º Festival Nacional de Teatro de Passos/MG, 7º Festival Nacional de Teatro de Ribeirão Preto/SP e 45º Feste-Festival Nacional de Teatro de Pindamonhangaba/SP, tendo recebido os Prêmios: Melhor Ator Coadjuvante, Prêmio Especial do Júri pela Pesquisa de Linguagem e Prêmio Especial do Júri para o Elenco. 

Serviço: 

Datas e informações:

23/05/2024 (quinta-feira) às 19h – SESC BARRA MANSA 
Av. Tenente José Eduardo, 560 – Ano Bom, Barra Mansa – RJ, 27320-430 

25/05/2024 (sábado) às 19h – SESC SÃO GONÇALO 
Av. Pres. Kennedy, 755 – Estrela do Norte, São Gonçalo – RJ, 24440-490 

31/05/2024 (sexta-feira) às 19h – SESC NITERÓI 
Rua Padre Anchieta, 56 – São Domingos, Niterói – RJ, 24210-050 

01/06/2024 (sábado) às 19h – SESC NOVA FRIBURGO 
Av. Pres. Costa e Silva, 231, Centro, Nova Friburgo – RJ, 28630-000 

21/06/2024 (sexta-feira) às 20h – TEATRO SESC ROSINHA DE VALENÇA  
Av. Professora Silvina Borges Graciosa, 44, Valença – RJ, 27600-000 

19/07/2024 (sexta-feira) a definir – SESC RAMOS 
Rua Teixeira Franco, 38 – Ramos, Rio de Janeiro – RJ, 21060-130 

Ingressos: R$ 10,00 (inteira), R$ 5,00 (meia-entrada) e gratuito (credencial plena Sesc e público PCG). Teatro Sesc Rosinha de Valença: gratuito 

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *