Cantora Karol Olivieri lança videoclipe focado no protagonismo feminino por meio do autoconhecimento e amor-próprio

Cantora Karol Olivieri lança videoclipe focado no protagonismo feminino por meio do autoconhecimento e amor-próprio
(Créditos: Renata Lamezi)

A cantora e compositora paulistana Karol Olivieri lançou o videoclipe da música “Na Minha”, nome que também é título do seu EP com quatro faixas, produzidas em parceria com o produtor musical Thalles Horovitz e composições assinadas por Ivo Mozart, Roberta Campos e pela própria artista. Com direção de Bruno Kott, as imagens trazem diferentes modelos de casais que retratam alguns relacionamentos saudáveis e gostosos que, para a autora da música, são conquistados por meio da independência e autoconhecimento despertados pelo amor-próprio e pela liberdade que é destacado na canção como importante. Foi depois de alguns relacionamentos, inclusive, que a artista descobriu, que buscava ser feliz através do outro e que, por consequência, se tornava dependente e envolvida em relacionamentos tóxicos e abusivos.

“Percebi que durante as minhas relações amorosas aceitei condições de desafeição e me tornei dependente emocionalmente ao crer que eu só ficaria bem se estivesse com alguém”, conta Karol que compartilha sua história na esperança de que outras mulheres se identifiquem e reflitam sobre as escolhas que fazem em suas vidas. “Na canção falo exatamente do momento que decidi ficar ‘Na Minha’, encerrando um ciclo de repetições e aprendendo a ficar só por meio de um processo de autoconhecimento muito profundo que ajudou a me curar e a viver um relacionamento comigo mesma em que me divirto sozinha e me sinto plena”, complementa.

(Créditos: Renata Lamezi)

Para Bruno, diretor do clipe, o amor não precisa de alguém para nos completar, amar começa no autoamor, sendo ilustrado ao longo da trama pela personagem de Karol. “Queremos que as mulheres se lembrem que temos o poder de escolher estar ou não com alguém, de escolher o que queremos ou não para nós ao invés de sermos escolhidas. E tudo isso começa a partir do momento que entendemos quem realmente somos”, salienta a cantora que mesmo com todas as feridas, agradece os momentos bons e ruins dos relacionamentos que a trouxeram até o momento atual e geraram aprendizados valiosos.

Essa não é a única música do EP que fala sobre temas relevantes e de histórias da artista. Ao longo de todo projeto criado a partir de um financiamento coletivo em 2018 e que mescla o ritmo dançante do pop com a calma melódica da MPB, Karol se inspira no misticismo da espiritualidade e em sua jornada de autoconhecimento durante a pandemia, além, é claro, de suas experiências amorosas. “Quis gravar canções em que eu pudesse ser contribuição. Essa é a minha missão e, por isso, escolhi músicas que contam algumas experiências que passei e que fazem com que as pessoas se identifiquem, já que compartilhar a nossa história é uma forma de contribuir com outras pessoas que vivem, viveram ou viverão situações semelhantes, fazendo com que se torne mais fácil superá-las”, conta. 

Com mensagens motivadoras, o álbum traz as faixas “A Festa”, “Armadilhas do Amor”, “Campo Magnético” e a canção-título, “Na Minha”, assinada pela própria Karol Olivieri. O trabalho está disponível nas principais plataformas de streaming, como SpotifyDeezer Apple Music e no Youtube.

Higor Vicente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: